Os candidatos em Belo Jardim

quinta-feira, 4 de setembro de 2014


Nunca é demais falar dos candidatos que se apresentam ao eleitor de nossa cidade. Iniciarei uma série de comentários aqui. Para começar, falemos de Guilherme Uchoa e Bruno Araújo, apoiados por João Mendonça.

Ser apoiado pelo Imperador já é bom motivo para não votarmos nessas trepeças. Mas há motivos a mais além disso.

Guilherme Uchoa é dono de um inegável prestígio político, devido ao fato de vir sendo Presidente da Assembleia ao longo de 4 mandatos, totalizando 8 anos, algo jamais visto em Pernambuco e acredito que fora também. Com tal poder, foi ele quem segurou, o quanto pôde o processo de João junto ao TCE, TRE e o inferno todo, para que o meliante não viesse a ser cassado. Resta saber se agora, sem Eduardo, e provavelmente sem a presidência, Uchoa terá poder para seguir emperrando que a justiça seja feita

Bruno Araújo é, AGORA, filho da Terra. Já andou por aqui apoiando João Mendonça em outros tempos, a pedido do falecido Zé Mendonça, muito amigo de seu pai. 4 anos atrás, no entanto, fez uma dobradinha com Leonardo Dias, abocanhou mais de 6 mil votos na cidade com o apoio do palanque que chama João de CÂNCER e TINHA. Foi com o voto de pessoas que ODIAVAM João que Bruno conseguiu sua melhor votação na terra em que sua família é ou já foi muito importante.

Segundo um dos seus principais aliados de então, Valdemir Cintra, Bruno foi muito ingrato e não regressou a Belo Jardim SEQUER PARA AGRADECER A VOTAÇÃO QUE TEVE na cidade

2 comentários:

Aroldo Campos disse...

Bruno o famoso candidato copa do mundo, só aparece a cada 4 anos. Mais o melhor é ver a cambada de babões de João pedindo votos para os mesmos que tanto metiam o pau.

Anônimo disse...

Se é de votar em gente de fora ou que só vem aqui em tempo de eleição ( como Bruno Araújo), por que não votar em candidatos da terra e conhecidos? Aqui tem até demais: Cecílio Galvão, Fábio Galvão, Cristiano Cabeludo, Mendonça Filho...Pronto! Tá faltando candidato? Tá é sobrando! Deixa essa gente de fora, fora.